Por que fazer um rebolo sob medida?

Tempo de leitura: 1 minuto

Rebolo sob medida

Listamos abaixo alguns tópicos importantes que ressaltam a importância de se fazer um rebolo sob medida:

1) A importância do diâmetro do furo do REBOLO

Os rebolos abrasivos devem encaixar livremente no eixo da máquina, mantendo a folga adequada em todas as condições de trabalho.

A existência de folga entre o eixo da máquina (ou flange) e o furo do rebolo é essencial para evitar tensões no rebolo provocadas pela montagem com interferência e/ou dilatação térmica do eixo da máquina.

O furo de um rebolo abrasivo  pode ser alterado somente pelo fabricante, a utilização de uma ferramenta na medida errada pode ocasionar graves acidentes. Por isso, ao comprar um rebolo atente-se as medidas adequadas de acordo com a máquina a ser utilizada.

2) Definição do grão abrasivo

Para a fabricação do rebolo, o tamanho do grão é determinado pelo tipo de operação a ser realizada: Desbaste pesado, desbaste, acabamento, acabamento fino, afiação ou corte.

Quando se faz o uso incorreto de uma grana, o rebolo torna-se incorreto para o fim a que se destina, consequentemente será rejeitado para o trabalho que se deseja executar na peça a ser trabalhada.

3) Dureza do REBOLO

Refere-se à capacidade da liga de reter os grãos. A dureza não se relaciona com o grão abrasivo, mas indica a capacidade do aglomerante para retenção dos grãos após terem as arestas cortantes desgastadas pelo uso. Os rebolos duros retêm as partículas abrasivas mais firmemente que os macios.

4) Tipo da liga do REBOLO

A seleção do tipo de liga depende do material a ser retificado, do tipo de operação e da precisão requerida.

Dúvidas sobre qual Rebolo comprar? Fale com um de nossos consultores!